Cultura

Morreu cartoonista do humor mudo Mordillo

Anonymous

Mordillo deu sinais de indisposição após jantar com a família e acabou por morrer.

O cartoonista argentino Guillermo Mordillo Menéndez, conhecido pelo seu humor sem palavras, morreu este domingo aos 86 anos, disse à agência Efe fonte da família.

Filho de pais espanhóis, nasceu a 04 de agosto de 1932 na Argentina, tinha Walt Disney e Buster Keaton como principais inspirações e o desenho e o futebol eram as suas paixões.

Juntamente com os animais, os temas de futebol são os mais recorrentes nas suas ilustrações, milhares das quais sem palavras.

Mordillo, que estava ainda ativo e envolvido numa série de projetos, deu sinais de indisposição após jantar com a família na noite passada e acabou por morrer.

Trabalhou na Argentina, no Peru, mas foi durante a estadia de 17 anos em Paris que atingiu fama internacional, estreando-se na revista Paris Match em 1966. Como não dominava o francês, não usava palavras nas tiras que desenhava, o que se tornou a sua marca.

Ao longo da carreira, venceu vários prémios, como a Palma de Ouro de San Remo, o prémio de cartoonista do ano de 1977 no salão internacional de Montreal e o prémio Phoenix de 1973.

Lusa