Cultura

Sessão de Cinema: "A Hard Day’s Night"

1964, memórias da cultura popular: Paul, George, Ringo e John

João Lopes

João Lopes

Crítico de Cinema

Para lá da revolução musical que protagonizaram, os Beatles são também personagens de um importante capítulo cinematográfico: “A Hard Day’s Night” é o seu primeiro filme, dirigido por Richard Lester.

Por estes dias, o mercado cinematográfico oferece um muito interessante ciclo dedicado à Nova Vaga Inglesa. Através dos respectivos filmes podemos redescobrir o impulso transformador de uma produção que, a par de outros países (França, Itália, Portugal…), afirmava os valores de uma atitude que, afinal, ajudou a definir as coordenadas do cinema moderno.

Richard Lester, um dos cineastas representados no ciclo — com “The Knack… and How to Get It/Lições de Sedução” (Palma de Ouro de Cannes/1965) — é uma das referências incontornáveis desse período. Vale a pena, por isso, acrescentar uma sugestão paralela, disponível em DVD: “A Hard Day’s Night” (entre nós lançado com o título ditirâmbico “Os Quatro Cabeleiras do Após-Calipso”) a espectacular estreia dos Beatles no cinema.

Corria o ano de 1964. John Lennon, Paul McCartney, George Harrison e Ringo Starr eram já um fenómeno (global, como agora se diz), não apenas através da celebração e recriação das bases do rock’n’roll, mas também como símbolo das muitas transfigurações da juventude da época.

“A Hard Day’s Night”, o seu terceiro álbum de estúdio, surgiu em paralelo com o filme homónimo, numa aliança artística e comercial hoje em dia pouco comum. Lester filmava o quarteto de Liverpool em tom de comédia musical, obviamente criando os mais diversos pretextos para a performance das canções do álbum — além do tema-título, “I Should Have Known Better”, “All My Loving”, “She Loves You”, etc.

Mas não se tratava de uma mera “reprodução” das interpretações televisivas dessas canções. O filme explora as mais variadas situações para criar cenas que, não por acaso, com o passar dos anos, foram consideradas “premonitórias” dos modernos telediscos (vulgarizados após o nascimento da MTV, em 1981). Daí que, hoje em dia, “A Hard Day’s Night” esteja longe de ser uma simples referência nostálgica — a música e o cinema, enfim, a cultura popular vivia tempos de fascinante reinvenção.

DVD