Cultura

“Se ele está no céu, espero que haja campos de golfe”. Harrison Ford presta tributo a Sean Connery

Matt Sayles

Os dois atores contracenaram no filme "Indiana Jones e a Última Cruzada"

Harrison Ford prestou tributo ao falecido ator Sean Connery, lembrando momentos do filme em que contracenou com o ator escocês. “Ele era meu pai… Não na vida… Mas no Indiana [Jones] 3”, disse Ford numa entrevista à Variety.

“Deus, nós divertimo-nos. Se ele está no céu, espero que haja campo de golfe. Descansa em paz, querido amigo”, acrescentou o ator.

Ford decidiu partilhar histórias que viveu com Sean Connery no set do filme "Indiana Jones e a Última Cruzada": “Vocês não sabem o que é prazer até alguém vos pagar para levar o Sean Connery num passeio de side car numa moto russa saltando ao longo de trilho de montanha acidentado e conseguir vê-lo a contorcer-se”, contou.

Connery interpretou a personagem de Henry Jones Sr., o pai da famosa personagem Indiana Jones. A série foi criada por George Lucas, conhecido realizador do universo da Guerra das Estrelas, que também prestou homenagem ao falecido ator.

“Ele irá sempre ter um lugar especial no meu coração como pai do Indiana”, disse o realizador acrescentando que “Sir Sean Connery, pelo seu talento e a sua iniciativa, deixou uma marca indelével na história do cinema”.

Sean Connery morreu este domingo aos 90 anos. O ator deu vida ao mais conhecido espião de todos os tempos, James Bond, entre tantos outros papeis. “A Liga de Cavalheiros Extraordinários”, em 2003, foi o último filme em que participou.