Cultura

Escultura invisível de Salvatore Garau foi vendida em leilão por 15 mil euros

A obra só existe na imaginação do artista italiano.

Foi leiloada uma obra imaterial, invisível, que só existe na imaginação do artista italiano Salvatore Garau. Pode não parecer, mas esta imagem em branco é uma obra e foi a leilão.

O criador Salvatore Garau descreveu-a como: "Escultura imaterial para ser colocada numa casa particular dentro de um espaço livre e com dimensões variáveis".

Com um valor base de licitação de seis mil euros, a escultura com o nome "Eu sou" só existe na imaginação do artista. Fez parte do catálogo da leiloeira Art-Rite de Milão e atingiu os 15 mil euros. A única prova física da aquisição do novo proprietário é apenas um certificado de autenticidade, assinado por Garau.

No passado mês de fevereiro, o artista italiano apresentou Buda em Contemplação, uma outra obra invisível, na Piazza della Scala em Milão. Já "Aphrodite Crying" pode ser vista em Nova Iorque. Estas obras fazem parte de um conjunto de sete que vão ser instaladas em várias cidades do mundo.

Aos 68 anos, Salvatore Garau é um dos nomes mais conhecidos da arte contemporânea em Itália. As obras do artista já foram apresentadas em várias edições da exposição internacional Bienal de Veneza.

  • Esqueçam o atrás...

    Tenham noção

    O recado de Rodrigo Guedes de Carvalho sobre redundâncias. Tenham noção que dizer ou escrever "há cinco anos atrás", "subir para cima" ou "descer para baixo" é desnecessário.

    SIC Notícias