Desporto

Manchester City vence nos penáltis e está nas meias da Taça da Liga inglesa

Carl Recine

O Manchester City apurou-se esta terça-feira para as meias-finais da Taça da Liga inglesa de futebol, após vencer o Leicester City no desempate por grandes penalidades (4-3), num encontro que acabou empatado (1-1) durante o tempo regulamentar e no prolongamento.

No Estádio King Power, o português Bernardo Silva apareceu de início nos citizens, num onze sem grande parte dos habituais titulares, e fez o golo da sua equipa, aos 26 minutos, tento que parecia ser suficiente para garantir a apuramento da formação de Pep Guardiola.

Contudo, já nos descontos, aos 90+7 minutos, Danilo, ex-jogador do FC Porto, fez falta para penálti e Jamie Vardy adiou a decisão da eliminatória.

No desempate por grandes penalidades, o avançado internacional inglês passou de herói a vilão e falhou um penálti, assim como o argelino Mahrez, acabando o Manchester City por marcar todos.

Já na última ronda, perante o Wolverhampton, de Nuno Espirito Santo, a equipa de Pep Guardiola tinha garantido o apuramento no desempate por penáltis.

Em Londres, no Estádio Emirates, o Arsenal também se apurou para as meias, com um triunfo sobre o vizinho West Ham, por 1-0, com um golo do avançado Danny Welbeck, aos 42 anos. Na equipa dos hammers, Domingos Quina, de apenas 18 anos, foi titular (saiu aos 83) e José Fonte esteve indisponível, já que continua a recuperar de lesão.

Na quarta-feira, o Manchester United, equipa detentora do troféu e treinada por José Mourinho, desloca-se ao campo do Bristol City, terceiro classificado do Championship (segundo escalão), e o Chelsea recebe o Bournemouth, num duelo entre equipas da Premier League.

Lusa