Desporto

Jogador do Arsenal confessa que sente vontade de vomitar antes dos jogos

Carl Recine

"O meu corpo está acabado", revelou Per Mertesacker numa entrevista, na qual disse ainda que sentia vontade de vomitar antes dos jogos. O internacional alemão de 33 anos vai pendurar as chuteiras no final da época, mas antes confessou os problemas e a pressão que está a ultrapassar e que perdeu a paixão pelo futebol.

"Toda a gente diz que devia aproveitar o último ano, jogar o máximo possível e absorver tudo", revelou o defesa do Arsenal ao Der Spiegel.

O internacional alemão está desde 2011 no Arsenal, mas não joga desde janeiro devido a uma lesão. Contudo, o facto de não jogar não parece que seja um problema, muito pelo contrário.

Na entrevista ao jornal alemão, Mertesacker admitiu que preferia "sentar-se no banco ou - ainda melhor - nas bancadas". "O meu corpo está acabado (...) Quando me retirar, vou sentir-me livre, pela primeira vez na minha vida."

O defesa alemão foi mais longe, falando sobre a pressão imensa do futebol e admitindo que tinha vontade de vomitar antes dos jogos. "Há dias em que percebemos que é um peso, tanto física como psicologicamente. Mas temos de continuar a dar o máximo, mesmo se estivermos lesionados."

"Nos momentos antes dos jogos, o meu estômago remexe-se como se tivesse de vomitar. E tenho de engolir a bílis de forma tão violenta até começar a chorar". Apesar de tudo isto, Mertesacker admite que não se arrepende e que faria tudo de novo. "Mesmo que tivesse de vomitar antes de cada jogo e ter de ir para a reabilitação 20 vezes, eu faria tudo de novo."

Esta é uma sensação que já dura há algum tempo. O campeão mundial revelou que no Mundial de 2006, na Alemanha, ficou aliviado quando perdeu a meia final para a Itália. "Quando perdemos a meia final para a Itália, como é obvio fiquei desapontado. Mas, além disso, fiquei aliviado. Lembro-me como se fosse hoje e de ter pensado que tinha finalmente acabado."

Mertesacker vai pendurar as chuteiras no final da época, e deverá assumir o papel de treinador de uma equipa do Arsenal.