Desporto

País anfitrião da CAN 2019 vai ser anunciado na terça-feira

Mike Hutchings

O Egito e a África do Sul são os únicos dois países na corrida pela organização da CAN.

O anúncio do país que vai receber este ano a Taça das Nações Africanas (CAN2019) foi antecipado de quarta para terça-feira, anunciou esta segunda-feira em comunicado a Confederação Africana de Futebol (CAF).

A escolha do anfitrião da CAN2019, que vai decorrer entre 15 de junho e 13 de julho, vai ser anunciada pelo presidente da CAF, Ahmad Ahmad, depois de uma reunião do comité executivo da entidade.

O Egito e a África do Sul são os únicos dois países na corrida pela organização da CAN, depois de terem oficializado as suas candidaturas em meados de dezembro último.

Já Marrocos, que também era apresentado na comunicação social como interessado, não avançou com a candidatura.

Em 2014, a CAF tinha atribuído a organização das três próximas edições da CAN de uma só vez: 2019 aos Camarões, 2021 à Costa do Marfim e 2023 à Guiné.

Porém, depois de a organização da edição de 2019 ser retirada aos Camarões (passou para 2021), falta saber quem organiza o campeonato este ano, sendo que a Costa do Marfim vai ser a anfitriã em 2023 e a Guiné deve receber o evento em 2025.

A África do Sul é o único país africano que já acolheu um Mundial de futebol (2010), tendo já organizado a CAN por duas vezes (1996 e 2013).

Já o Egito recebeu a CAN em quatro ocasiões, a última das quais em 2006.

Lusa

  • Leonel Pontes prefere Sporting a vencer, mesmo sem convencer
    2:18