Desporto

Everton, de Marco Silva, vence West Ham por 2-0 e sobe ao nono lugar

Tony O'Brien

O Everton, treinado pelo português Marco Silva, subiu hoje ao nono lugar da Liga inglesa de futebol, ao vencer por 2-0 no reduto do West Ham, em jogo da 32.ª jornada da prova.

Com o internacional luso André Gomes a cumprir todo a partida, os 'toffees' alcançaram os dois golos na primeira parte, através do central francês Kurt Zouma, aos cinco minutos, e do extremo brasileiro Bernard, aos 33.

O Everton subiu ao nono posto, com 43 pontos, tendo ultrapassado os 'hammers', que caíram para a 11.ª posição, com 42.

Também hoje, o Wolverhampton, treinado pelo português Nuno Espírito Santo, foi derrotado por 2-0 em Burnley. Na deslocação ao terreno do 17.º classificado, os 'wolves', com os portugueses Rui Patrício, João Moutinho, Rúben Neves, Ivan Cavaleiro e Diogo Jota de início, entraram praticamente a perder, com um golo do seu 'capitão', Conor Coady, na própria baliza, aos dois minutos.

No segundo tempo, e numa altura em que Hélder Costa já tinha sido lançado por Nuno Espírito Santo, o Burnley aumentou a vantagem, aos 77 minutos, por intermédio de Dwight McNeil, deixando o Wolverhampton, sétimo colocado, com 44 pontos, mas ainda com um jogo por disputar, à mercê do West Ham, que tem 42 e hoje recebe o Everton, de Marco Silva.

O Leicester aproveitou este resultado e igualou a pontuação dos 'wolves', ao vencer por 2-0 na receção ao Bournemouth. A terceira vitória seguida dos 'foxes' na 'Premier League' foi construída com golos de Wes Morgan e Jamie Vardy, aos 11 e 82 minutos, respetivamente.

Já o Manchester United, ganhou por 2-1 ao Watford, que teve o médio português Domingos Quina no banco de suplentes, e igualou provisoriamente o Tottenham na terceira posição, com 61 pontos.

Marcus Rashford, aos 28 minutos, e o francês Anthony Martial, aos 72, anotaram os tentos dos 'red devils', de nada valendo aos 'hornets' o golo tardio de Abdoulaye Doucouré, aos 90.

O Crystal Palace bateu o lanterna-vermelha Huddersfield, por 2-0, com golos do sérvio Luka Milivojevic e do holandês Patrick van Aanholt, enquanto o dinamarquês Pierre-Emile Hojbjerg garantiu o triunfo Southampton em Brighton, por 1-0.

No primeiro encontro do dia, o Manchester City subiu provisoriamente à liderança, ao vencer por 2-0 o Fulham, com o internacional português Bernardo Silva a inaugurar o marcador, aos cinco minutos, antes de assistir o argentino Sergio Agüero para o segundo, aos 27.

Os 'citizens', que têm ainda um jogo em atraso, com o Manchester United, passaram a somar 77 pontos, mais um do que o Liverpool, que no domingo recebe o Tottenham, terceiro colocado, em Anfield Road.

Lusa

  • “Vamos a Jogo” acompanhou Luís Filipe Vieira no dia da reconquista
    15:21
  • Visíveis - Ruca
    31:30