Desporto

Jogador da seleção australiana de râguebi dispensado devido a comentário homofóbico

Toby Melville

Em causa está o comentário homofóbico feito pelo jogador autraliano de râguebi na rede social Instagram.

A entidade principal do râguebi australiano colocou um ponto final no contrato que tinha com o atleta, depois de informar que iria banir o jogador devido ao teor das palavras utilizadas no seu comentário.

Raelene Castle, chefe executivo deste órgão, afirmou, em declarações à bbc, que "o jogador foi formalmente avisado sobre as expectativas sobre ele como jogador dos Wallabies (seleção nacional de râguebi australiana). Qualquer comentário, feito nas redes sociais, que desrespeite as pessoas relativamente à sua sexualidade resulta numa ação disciplinar."

Em sua defesa o jogador admitiu ter feito o comentário sem maldade e que "entende a reação das pessoas, que é a oposta ao que ele pretendia partilhar", apontando ainda que ficará desapontado por não poder jogar mais pelo seu país, caso a decisão da ARU se mantenha.

Israel Folau tem 48 horas para aceitar a decisão, ou terá de passar por um processo em que será ouvido pelas entidades competentes.

O atleta, que tem 73 internacionalizações pela seleção dos cangurus, ficará de fora do mundial de 2020, no Japão, caso esta decisão se mantenha.

"Atenção: bêbados, homossexuais, adúlteros, mentirosos, fornicadores, ladrões, ateus e idólatras o inferno espera por vocês!"

"Atenção: bêbados, homossexuais, adúlteros, mentirosos, fornicadores, ladrões, ateus e idólatras o inferno espera por vocês!"

PJ Browne

  • Via Sacra – Episódio 2
    26:42