Desporto

João Sousa eliminado por Federer no Masters 1.000 de Roma

Eric Gaillard/ REUTERS

O confronto entre os tenistas português e suiço durou 1 hora e 20 minutos.

O tenista português João Sousa, 72.ª do ranking ATP, foi hoje eliminado na segunda ronda do Masters 1.000 de Roma, após ser derrotado pelo suíço Roger Federer, terceiro da hierarquia mundial, em dois 'sets'.


Na terra batida da capital italiana, Sousa 'durou' 1 hora e 20 minutos perante o antigo número um mundial e 'caiu' com os parciais de 6-4 e 6-3, naquele que foi apenas o segundo duelo entre os dois jogadores.


Federer e Sousa tinham-se encontrado em 2014, na relva de Halle, na Alemanha, e, nessa altura, o suíço também venceu o português, mas em três sets, por 6-7 (8-10), 6-4 e 6-2.


Na próxima ronda, Federer vai encontrar o croata Borna Coric, 13.º da hierarquia, que eliminou o canadiano Felix Auger-Aliassime em três 'sets', com os parciais de 6-7 (4-7), 6-3 e 6-4

Lusa

  • Os populismos crescentes "não são apenas um problema europeu"
    2:01
  • “Vamos a Jogo” acompanhou Luís Filipe Vieira no dia da reconquista
    15:21
  • Visíveis - Ruca
    31:30