Desporto

Pugilista suspenso por beijar repórter à força

Andrew Couldridge

O episódio aconteceu depois de vencer um combate na Califórnia.

Kubrat Pulev, pugilista búlgaro, foi multado em 2500 dólares (2300 euros) e suspenso pela Comissão Desportiva de Estado da Califórnia, nos EUA, durante quatro meses, depois de beijar à força a repórter Jennifer Ravalo durante uma entrevista, após um combate que se realizou em março.

A entidade que rege a modalidade na Califórnia obrigou ainda o atleta a frequentar aulas de prevenção de assédio sexual antes de poder combater novamente no Estado norte-americano.

Jennifer Ravalo, que processou o pugilista, numa declaração conjunta com a sua advogada, disse que se sentiu "embaraçada" e incapaz de "reagir" no momento.

Kubrat Pulev justificou o seu ato com o facto de ambos serem "amigos" e que a repórter inclusive se juntou à sua equipa para celebrar a vitória no combate.

Apesar da controvérsia nas declarações dos envolvidos, o pugilista terá de cumprir a suspensão e assistir às aulas de prevenção de assédio e, caso não o faça, será multado novamente e impedido de combater.

  • Votar? É mais praia...
    2:43

    Europeias 2019

    Em dia de eleições e calor intenso, a praia da região urbana de Carcavelos esteve muito concorrida, com os respetivos engarrafamentos na Avenida Marginal na ida e no regresso. E com os depoimentos dos veraneantes a merecer reflexão.