Desporto

Xabi Alonso enfrenta nova acusação de fraude fiscal

(Arquivo)

Miguel Vidal

Crime terá sido cometido em 2013.

O Ministério Público espanhol apresentou uma queixa contra o antigo futebolista espanhol Xabi Alonso por suspeita de uma fraude fiscal de 572.008 euros, cometida em 2013.

Xabi Alonso, que abandonou a competição no final da época 2016/17, quando alinhava no Bayern Munique, foi acusado em 2018 de crimes fiscais cometidos entre 2010 e 2012, durante o período em que representava o Real Madrid.

Para esses crimes, por alegadas fraudes fiscais nos contratos de direitos de imagem, a Autoridade Tributária espanhola pediu uma pena de cinco anos de prisão.

Lusa

  • Portugal suspende vistos a iranianos
    2:20