Desporto

Gustavo Veloso defende liderança da Volta a Portugal na subida ao Larouco

Gustavo Veloso, da equipa W52-FC Porto

NUNO VEIGA/ LUSA

A etapa de hoje começa em Bragança, onde terminou a 6ª etapa da Volta a Portugal.

O espanhol Gustavo Veloso (W52-FC Porto) terá hoje mais um dia como líder da geral da 81.ª Volta a Portugal em bicicleta, defendendo a camisola amarela na sétima etapa, na subida final à Serra do Larouco.

Veloso, que caiu na quarta-feira, assim como o colega de equipa e segundo da geral João Rodrigues, tem pela frente um teste de 156,2 quilómetros entre Bragança e aquele que é um dos pontos mais altos de Portugal (1.503 m).

O dia começa em Bragança, onde terminou a sexta tirada, e atravessa três metas volantes e igual número de contagens de montanha, a primeira aos 72,3 quilómetros, em Bolideira, de segunda categoria.

Mais difícil será a subida a Torneiros, uma primeira categoria na aldeia de Boticas, aos 116, antes da 'temida' ascensão em Montalegre, com 5,8% de inclinação média ao longo de 9,2 quilómetros.

Depois de a subida à Torre, na quarta etapa, 'coroar' João Rodrigues, o segundo dia de alta montanha volta a testar os candidatos, com o espanhol Vicente García de Mateos (Aviludo-Louletano) em terceiro a 22 segundos.

À porta do pódio estão dois portugueses da Efapel, Jóni Brandão, em quarto a 25, e Henrique Casimiro, a 45 segundos, fechando o lote de ciclistas a menos de um minuto de diferença de Veloso, campeão em 2014 e 2015.

Lusa