Desporto

Piloto holandês que sofreu acidente no Dakar morreu após 8 dias de internamento

ANDRE PAIN

Ewin Straver representava a KTM.

Ewin Straver, piloto da KTM, morreu esta sexta-feira, após 8 dias de internamento, depois de ter sofrido um acidente durante a penúltima etapa do Dakar, entre Shubaytah e Qiddiya, na Arábia Saudita, informou hoje a organização.

O holandês de 48 anos foi encontrado em paragem cardíaca,ao quilómetro 120 dos 379 previstos, pelo português Mário Patrão que prontamente pediu ajuda.

Após a chegada da equipa médica o piloto foi transportado de helicóptero para um hospital em Riade, onde ficou internado até falecer.

"Todas as pessoas associadas ao Dakar expressam as mais sinceras condolências à família e amigos de Edwin", pode ler-se numa publicação da organização da prova na rede social Twitter.

Depois da morte de Paulo Gonçalves, que sofreu uma queta fatal na 7ª etapa, este é o segundo piloto que perdeu a vida na última edição do Dakar.

As imagens do adeus a Paulo Gonçalves