Desporto

Rafael Nadal acerta em cheio na cara de uma menina no Open da Austrália. Veja o que aconteceu a seguir

SCOTT BARBOUR

O momento que marca o 5.º dia de Open da Austrália e foi descrito pelo próprio tenista espanhol, número 1 do ranking mundial, como "um dos mais assustadores que viveu em campo".

O momento que marca o 5.º dia de Open da Austrália

Rafael Nadal, número 1 do mundo, estava prestes a garantir a vitória direta contra o argentino Federico Delbonis, a vencer por 4-1 no 3.º set da 2.ª ronda desta 5.ª feira quando, na resposta a um serviço, atira a bola com grande força para o lado adversário, mas falha o alvo e a atinge, com grande força o rosto de uma das meninas apanha-bolas, junto ao árbitro da partida.

No final do jogo que lhe garantiu a vitória, o tenista espanhol deu à jovem um presente: a fita que usou no cabelo, durante a partida.

Nas entrevistas rápidas no court de Rod Laver Arena, Rafael Nadal ainda tentou brincar com o incidente, mas reconheceu que foi um dos mais assustadores de sempre dentro de um court de tenis.

Já fora dos courts, Rafael Nadal confirma que conheceu Annita e a sua família e publicou uma fotografia dos dois, sorridentes, após o incidente que marca este 5.º dia de Open da Austrália.

FIONA HAMILTON/TENNIS AUSTRALIA HANDOUT

"Tive a oportunidade de conhecer a menina e a sua família hoje. Estou muito feliz que esta esteja bem depois do momento mais assustador que tive num court de tenis. Annita é uma menina corajosa", disse Nadal no Twitter onde publicou a foto dele com a jovem sorridente.

No final, a jovem Annita ganhou não só protagonismo mundial, como um novo amigo e a fita com que número 1 do ranking mundial de ténis venceu a partida.

FIONA HAMILTON/TENNIS AUSTRALIA HANDOUT

Primeiro jogo à noite de Rafael Nadal

O tenista espanhol Rafael Nadal conquistou hoje mais uma vitória no Open da Austrália e seguiu o russo Daniil Medvedev, o austríaco Dominic Thiem e o alemão Alexander Zverev rumo à terceira ronda em Melbourne Park.

A fechar a sessão noturna na Rod Laver Arena, o número um mundial defrontou e bateu sem grande dificuldade o argentino Federico Delbonis, "carrasco" do português João Sousa na jornada inaugural, em três sets, pelos parciais de 6-3, 7-6 (7-4) e 6-1, ao cabo de duas horas e 32 minutos.

"Foi a primeira vez que joguei à noite e as condições são mais lentas, diferentes. Foi um encontro em que perdi muitas oportunidades, alguns 'break points', mas felizmente consegui vencer o segundo set. Penso que depois, no terceiro, joguei mais relaxado e agressivo e já me estava a sentir melhor no final do encontro", afirmou Nadal, que desperdiçou 17 'break points'.

O esquerdino, que procura igualar os 20 títulos do Grand Slam de Roger Federer na Austrália, somou assim o quarto triunfo consecutivo sobre o 76.º colocado do ranking ATP, antes de marcar encontro com o amigo espanhol Pablo Carreño-Busta, que superou o qualifyer alemão Peter Gojowczyk, por 6-4, 6-1, 1-6 e 6-4.

Tal como Nadal, o russo Daniil Medvedev não foi obrigado a jogar ao seu melhor nível para ultrapassar o adversário da segunda ronda, o espanhol Pedro Martínez, oriundo da fase de qualificação, e garantir a continuidade no 'major' australiano, por 7-5, 6-1 e 6-3, em duas horas e nove minutos.