Desporto

Sporting procura consolidar o terceiro lugar na deslocação ao Moreirense

Rúben Amorim, treinador do Sporting CP.

MARIO CRUZ / POOL

Jovane Cabral e Marcos Acuña estão recuperados das respetivas lesões, e podem voltar ao 11 inicial.

O Sporting tem hoje a possibilidade de voltar a distanciar-se do Sporting de Braga e consolidar o terceiro lugar da I Liga portuguesa de futebol, no jogo de encerramento da 30.ª jornada, no estádio do Moreirense.

A equipa lisboeta, que ainda não perdeu desde a retoma do campeonato, após a suspensão devido à pandemia de Covid-19, já poderá contar com Marcos Acuña e Jovane Cabral, recuperados das respetivas lesões, para tentar conquistar a quinta vitória seguida e responder à aproximação dos bracarenses.

No sábado, na estreia do treinador Artur Jorge, que ocupa até ao fim da época o lugar de Custódio Castro, o Sporting de Braga goleou por 4-0 o Desportivo das Aves, último classificado e já despromovido ao segundo escalão, ficando a apenas dois pontos de distância dos leões.

O FC Porto também foi capaz de responder no domingo ao triunfo alcançado no dia anterior pelo perseguidor Benfica, ao golear por 5-0 na receção ao Belenenses SAD, restabelecendo a vantagem de seis pontos na liderança da competição.

O campeão nacional tinha reagido bem à saída do treinador Bruno Lage e, sob o comando técnico de Nélson Veríssimo, venceu por 3-1 na receção ao Boavista, quebrando um ciclo negativo de duas derrotas seguidas na prova e quatro encontros consecutivos sem ganhar em casa.