Desporto

Hoffenheim critica Bayern Munique por lhe tirar 2 dos jovens mais promissores no futebol

(Arquivo)

O avançado Armindo Sieb e o lateral Mamin Sanyang, ambos de 17 anos, foram vendidos em transferências livre de custos.

O Hoffenheim criticou hoje o Bayern Munique por lhe tirar dois dos mais promissores futebolistas, o avançado Armindo Sieb e o lateral Mamin Sanyang, ambos de 17 anos, em transferências livre de custos.

"Vale a pena discutir, no que diz respeito à solidariedade, que o Bayern - com receitas na ordem dos três quartos de mil milhões de euros -, está atualmente no negócio e em busca de talento", disse o diretor-geral do Hoffenheim, Frank Briel.

Em declarações à revista do clube, Briel reconheceu que provavelmente é uma estratégia inteligente na perspetiva empresarial, mas que isso fere o Hoffenheim, clube que investe na formação.

Além de Sanyang e Sieb, o Hoffenheim perdeu também o capitão de sub-19, Amadou Onana, que assinou pelo Hamburgo, do segundo escalão.

Em 25 de junho, o Bayern Munique confirmou a chegada de Sieb, e na segunda-feira dos dois jogadores, que treinaram com a equipa de sub-19 dos bávaros.

  • 0:57