Desporto

A dobradinha de Hamilton que vale um recorde à Mercedes

Miguel Medina / Pool

Piloto repete o triunfo conquistado há uma semana em Portimão.

O piloto britânico Lewis Hamilton venceu este domingo o Grande Prémio de Emilia-Romagna de Fórmula 1, chegou às 93 vitórias no Mundial, um novo recorde na modalidade, e garantiu o sétimo título consecutivo de construtores para a Mercedes.

Hamilton, que partiu do segundo lugar da grelha, deixou o segundo classificado, o finlandês Valtteri Bottas (Mercedes), a 5,783 segundos, e o terceiro, o australiano Daniel Ricciardo (Renault), a 14,320, repetindo o triunfo conquistado há uma semana, em Portimão.

O holandês Max Verstappen (Red Bull), que sofreu um problema mecânico, abandonou na 51.ª das 63 voltas ao circuito de Ímola, quando seguia na segunda posição atrás do britânico.

A 'dobradinha' permitiu à Mercedes conquistar o seu sétimo título consecutivo de construtores, um recorde.

Com estes resultados, Hamilton alargou a vantagem no Campeonato do Mundo, quando faltam quatro corridas para o final.