Desporto

Ronaldo, Jorge Jesus e Sérgio Conceição entre os vencedores das Quinas de Ouro 2020

PASQUALE BOVE

Entre os premiados, como revelação, está o também internacional pela equipa principal das quinas Francisco Trincão.

O internacional português Cristiano Ronaldo e os treinadores Jorge Jesus e Sérgio Conceição estão entre os vencedores das Quinas de Ouro 2020, com uma versão reduzida face à pandemia de covid-19, revelou esta quarta-feira a Federação Portugueses de Futebol.

Em conjunto com a Associação Nacional dos Treinadores de Futebol (ANTF) e o Sindicato dos Jogadores Profissionais de Futebol (SJPF), a FPF "entendeu premiar aqueles que se distinguiram durante a época 2019/20 em todas as competições que foram concluídas", sendo que os galardões serão "entregues individualmente em datas a anunciar nas próximas semanas".

O avançado da Juventus, campeão ao serviço do emblema de Turim, venceu o prémio de melhor jogador de futebol português a atuar no estrangeiro, enquanto Jorge Jesus, que esta temporada deixou os brasileiros do Flamengo, clube pelo qual conquistou vários títulos, para regressar ao Benfica, foi distinguido como melhor técnico fora de Portugal.

O seu homólogo Sérgio Conceição, do FC Porto, vai receber igual galardão pelo desempenho em solo nacional ao leme dos 'dragões', que levou ao título da I Liga e à vitória na Taça de Portugal.

Numa lista de nove distinções dominada pelo futebol, o FC Porto foi eleito o conjunto do ano, enquanto o defesa internacional luso Pepe, um dos jogadores mais influentes nos 'dragões', o melhor a atuar em Portugal.

Entre os premiados, como revelação, está o também internacional pela equipa principal das 'quinas' Francisco Trincão, de apenas 20 anos, transferido para o FC Barcelona, depois de se notabilizar ao serviço do Sporting de Braga.

Ainda no futebol, mas na vertente feminina, Cláudia Neto, jogadora da Fiorentina, de Itália, foi a que se mais destacou no estrangeiro.

No futebol de praia, o prémio de jogador do ano vai ser entregue a Jordan Santos, com a equipa de 2019/20 a ser a seleção lusa, depois de se ter sagrado bicampeã europeia.