Desporto

Médico diz que Maradona está a "recuperar muito bem" e sem sequelas neurológicas

Natacha Pisarenko

O ex-futebolista argentino Diego Maradona está a "recuperar muito bem" da cirurgia a um hematoma subdural e não ficou com qualquer sequela neurológica, afirmou esta quinta-feira o médico Leopoldo Luque, que liderou a equipa de neurocirurgiões responsáveis pela operação.

"A recuperação está a ser muito boa. Estamos muito otimistas. Ele está mais consciente e com boa disposição. Temos de ser cautelosos, mas não tem qualquer sequela neurológica", explicou Luque, que é um dos responsáveis médicos de 'El Pibe'.

O médico revelou que o antigo internacional argentino, de 60 anos, está "sob intensos cuidados" e que "a família está a tomar conta dele", mostrando-se "entusiasmado" com a evolução que Maradona foi manifestando desde esta quinta-feira de manhã.

O ex-futebolista foi operado com sucesso na terça-feira à noite a um hematoma subdural, detetado durante um 'check-up'.

Maradona, que completou 60 anos na semana passada, tinha sido internado na segunda-feira, anémico, desidratado e deprimido.

O campeão mundial pela seleção da Argentina, em 1986, no México, foi operado numa clínica na província de Buenos Aires. Várias pessoas reuniram-se junto à porta da clínica para demonstrar a admiração pelo agora treinador do Gimnasia de la Plata, com bandeiras e cânticos.

  • 1:44