Desporto

Rio Ave reagenda eleições para dia 16 devido às limitações de circulação

JOSE COELHO

O atual presidente do Rio Ave, António Silva Campos, que comanda o clube há 12 anos, encabeça a única lista que se irá apresentar a sufrágio.

O Rio Ave, da I Liga portuguesa, anunciou esta segunda-feira que as eleições para os órgãos sociais do clube, que estavam marcadas para este sábado, foram reagendadas para 16 de novembro, uma segunda-feira.

A decisão foi tomada devido às restrições de circulação ao fim de semana, impostas pelo Governo no âmbito das medidas de combate à pandemia de covid-19, que segundo o clube vila-condense impediria "a participação ativa e plena dos associados".

"Por forma a que o direito de voto dos sócios esteja assegurado, por inteiro, decidiu o presidente da mesa da Assembleia-Geral adiar a realização da assembleia [eleitoral] para segunda-feira, 16 de novembro, alargando o horário de voto para o período compreendido entre as 09:00 e as 21:00, por se tratar de um dia de semana e, logicamente, de trabalho para muitos dos associados", explicou o clube através de comunicado.

O atual presidente do Rio Ave, António Silva Campos, que comanda o clube há 12 anos, encabeça a única lista que se irá apresentar a sufrágio, tendo, por isso, garantida a sua eleição para dirigir o clube no próximo triénio.

As mesas de voto estarão instaladas nas lojas do clube no estádio e também na zona de Caxinas, sendo obrigatório no seu interior, o uso de máscara e o respeito pelas regras de distanciamento social e proibidos os aglomerados de associados nas proximidades das assembleias de voto.