Desporto

Al-Rajhi vence 10.ª etapa do Dakar e Peterhansel mantém liderança

HAMAD I MOHAMMED/ REUTERS

Na quinta-feira disputa-se a 11.ª e penúltima etapa do rali Dakar de todo-o-terreno.

O saudita Yazeed Al-Rajhi (Toyota) venceu hoje a 10.ª de 12 etapas da 43.ª edição do rali Dakar de todo-o-terreno, num dia em que o francês Stephane Peterhansel (Mini) manteve a liderança nos automóveis.

Esta foi a segunda vitória de Al-Rajhi este ano, gastando 3:03.57 horas para cumprir os 342 da especial de hoje, que ligou Neom a Al-Ula, deixando o catari Nasser Al-Attyiah (Toyota) na segunda posição, a 2.04 minutos, e Peterhansel em terceiro, a 2.53.

O lituano Benediktas Vanagas (Toyota), navegado pelo português Filipe Palmeiro, foi 12.º, a 11.16 minutos, enquanto Ricardo Porém (Borgward) perdeu hoje mais de meia hora e terminou provisoriamente em 26.º, a 34.31 minutos.

Peterhansel mantém o comando da prova dos automóveis, com 17.01 minutos de vantagem sobre Al-Attyiah, que é segundo, com o espanhol Carlos Sainz (Mini) a fechar os lugares do pódio, já a 1:03.44 horas.

Vanagas e Palmeiro estão, agora, em 11.º lugar, enquanto Porém segue em 20.º.

Na quinta-feira disputa-se a 11.ª e penúltima etapa, entre Al-Ula e Yanbu, com 557 quilómetros, 511 deles cronometrados, sendo a especial mais longa da prova, incluindo quase uma centena de quilómetros de dunas.