Desporto

Morte de Neno é uma "grande perda para a família do futebol", diz Sérgio Conceição

O antigo internacional português morreu na quinta-feira, aos 59 anos.

O treinador do FC Porto, Sérgio Conceição, considerou esta sexta-feira que o falecimento do antigo guarda-redes Neno consititui "uma grande perda para a família do futebol".

"Até sempre Neno. Um verdadeiro senhor, amado e respeitado por todos. Foi uma honra poder ter partilhado bons momentos contigo. Uma grande perda para a nossa família do futebol", escreveu Sérgio Conceição na sua conta na rede social 'twitter'.

O antigo internacional português morreu na quinta-feira, aos 59 anos, informou o Vitória de Guimarães, clube em que o guarda-redes jogou e onde acabou a carreira, tendo depois sido treinador de guarda-redes e dirigente do clube vimaranense.

Nascido na Cidade da Praia, em Cabo Verde, Neno ganhou três campeonatos e três Taças de Portugal pelo Benfica, além de uma Supertaça pelo Vitória de Guimarães.

Formado no Barreirense, Neno passou por Vitória de Guimarães, Benfica e Vitória de Setúbal e, ao serviço da seleção portuguesa, fez nove encontros, entre 1989 e 1996.