Desporto

Florentino Pérez garante que áudios revelados por jornal estão a ser produzidos de forma ilícita

Nas gravações é possível ouvir acusações a Pinto da Costa e críticas a Cristiano Ronaldo.

Florentino Pérez garante que os áudios revelados pelo jornal El Confidencial estão a ser produzidos de forma ilícita e sem contexto. Nas gravações é possível ouvir acusações a Pinto da Costa e Jorge Mendes e críticas a Cristiano Ronaldo e a José Mourinho.

As escutas são de 2007 e de 2012, entre elas há acusações graves que levantam suspeitas sobre transferências de jogadores.

Perante a divulgação das gravações, o dirigente espanhol emitiu um comunicado, no qual garante ter uma "relação magnífica" com Jorge Mendes há 15 anos: "uma relação baseada sempre na amizade e no respeito".

Garante que o seu trabalho com o Real Madrid "sempre foi muito profissional, íntegro e transparente" e sem ele não teria sido possível a chegada dos profissionais que representa ao clube.

"Especialmente, (a chegada) do Cristiano Ronaldo e do José Mourinho, quem eu admiro e com quem mantenho uma relação de carinho muito especial."

Florentino Pérez garante ainda que mantém uma "grande amizade" com o presidente do Porto, com quem teve a oportunidade de "celebrar vários acordos sempre baseados na máxima transparência".

O presidente do Real Madrid diz que as gravações foram feitas ilegalmente e que estão for a de contexto "para provocar uma interpretação que não corresponde à realidade".