Desporto

Mudança no Benfica não influenciou o trabalho diário da equipa, diz Jorge Jesus

Treinador diz que não tem faltado nada à equipa e que o objetivo agora é ganhar o próximo jogo.

Jorge Jesus, sobre a saída de Luís Filipe Vieira da presidência do clube, diz que foi uma surpresa, mas que no entanto não influenciou a forma de trabalhar da equipa.

O treinador refere que não tem faltado nada à equipa e que o objetivo agora é ganhar o próximo jogo.

Benfica e Spartak de Moscovo jogam a primeira mão da terceira pré-eliminatória da Liga dos Campeões na quarta-feira, a partir das 18:00 (hora de Lisboa), em Moscovo, num encontro que será dirigido pelo espanhol Carlos del Cerro Grande.

Há um ano, as ‘águias’ foram eliminadas nesta ronda preliminar da prova 'milionária' pelo PAOK, então orientado por Abel Ferreira, enquanto agora terão pela frente outro técnico luso, Rui Vitória, que liderou a equipa benfiquista entre 2015 e 2019. Contudo, Jorge Jesus fez questão de realçar algo que poderá ser decisivo para o sucesso dos ‘encarnados’ esta época.

“No ano passado [aquando da eliminatória com o PAOK, disputada num só jogo, na Grécia], eu tinha cinco semanas de trabalho com a equipa e agora tenho um ano e mais cinco semanas de trabalho. É uma grande diferença em relação ao ano passado”, disse.

Jorge Jesus garantiu um Benfica com “muita ambição, confiança e uma vontade passar esta eliminatória”, cujo encontro da primeira mão se realiza na quarta-feira, em Moscovo.