Desporto

Cruzeiro regressa à Série A brasileira após três anos de ausência

Cruzeiro regressa à Série A brasileira após três anos de ausência
Pedro Vilela/Getty Images
O clube estabeleceu um novo recorde de precocidade ao ser promovido à primeira divisão a sete jornadas do fim da Série B.

O Cruzeiro, detentor de quatro títulos de campeão brasileiro de futebol, confirmou na quarta-feira a promoção à primeira divisão, a sete jornadas do fim da Série B, estabelecendo um novo recorde de precocidade.

A vitória por 3-0 na receção ao Vasco da Gama, outro histórico do futebol brasileiro, permitiu ao clube, cujo proprietário é o ex-futebolista Ronaldo Nazário, assegurar a promoção ao escalão principal, após três anos a disputar o secundário.

Ronaldo Nazário assistiu ao jogo e exultou com a proeza da equipa, que alcançou o acesso matemático mais rápido à Série A, à 31.ª jornada e a sete do fim da prova, superando Corinthians, Portuguesa e Palmeiras, que, em outras edições, fecharam a promoção com seis rondas de antecedência.

O Cruzeiro, que esta época venceu 20 jogos, empatou oito e perdeu três, é um dos mais importantes clubes do Brasil, tendo-se sagrado quatro vezes campeão nacional (1966, 2003, 2013 e 2014) e conquistado a Taça Libertadores por duas vezes, em 1976 e 1997.

O clube de Belo Horizonte foi despromovido em 2019 à segunda divisão, pela primeira vez na sua história centenária, no meio de uma grave crise financeira, regressando à elite do futebol brasileiro menos de um ano depois de ter sido adquirido por Ronaldo Nazário, em dezembro de 2021.

Últimas Notícias
Mais Vistos