Economia

Fisco vai vigiar mais 800 fortunas

Um total de 1600 contribuintes ficam sob vigilância da Unidade de Grandes Contribuintes.

Há mais 800 fortunas que vão passar a estar sob vigilância do fisco.

Juntam-se à lista de 758 contribuintes que já são acompanhados pela Unidade de Grandes Contribuintes, perfazendo um total de 1600 os contribuinte vigiados de forma mais apertada pelo fisco.

De acordo com o jornal Público, estes novos contribuintes que ficam na mira da Autoridade Tributária foram identificados pelo valor das fortunas, por terem reforçado a participação em empresas, por transferências realizadas para contas em paraísos fiscais ou apenas por estarem casados com quem já fazia parte do cadastro do fisco.

São contribuintes que ou têm mais de 750 mil euros de rendimento ou mais de 5 milhões em património.

  • Votar? É mais praia...
    2:43

    Europeias 2019

    Em dia de eleições e calor intenso, a praia da região urbana de Carcavelos esteve muito concorrida, com os respetivos engarrafamentos na Avenida Marginal na ida e no regresso. E com os depoimentos dos veraneantes a merecer reflexão.