Economia

Juros da dívida de Portugal caem para mínimos de sempre a dois e 10 anos

O excedente orçamental no primeiro trimestre do ano é um dos motivos da redução dos juros.

Os juros da dívida portuguesa estavam hoje a descer em todos os prazos, a dois e dez anos para mínimos de sempre.

A Cerca das 08:35 em Lisboa, os juros a 10 anos estavam a cair para 0,516%, um mínimo de sempre, contra 0,522% na segunda-feira.

No prazo de cinco anos, os juros, que entraram pela primeira vez em terreno negativo em 28 de maio, estavam a recuar para -0,120%, contra -0,119% na segunda-feira e o mínimo de sempre, de -0,153%, em 18 de junho.

Os juros a dois desciam para -0,417%, um mínimo de sempre, contra -0,409% na segunda-feira.

Os juros de Espanha e Irlanda desciam em todos os prazos, enquanto em sentido inverso os da Grécia e de Itália subiam em todos os prazos.

Lusa.