Economia

Combustíveis baixam nos Açores a partir de segunda-feira

TIAGO PETINGA

As descidas nos preços dizem respeito aos combustíveis rodoviários e agrícolas.

O preço máximo do gasóleo rodoviário e do colorido e marcado, consumido na agricultura e nas pescas, vai descer 1,8 cêntimos por litro a partir de 01 de julho, anunciou hoje o Governo dos Açores.

Decorrente da "variação do preço europa", a partir das 00:00 de segunda-feira, baixa também 1,2 cêntimos o preço máximo do fuelóleo industrial.

Assim, o litro do gasóleo rodoviário passa a custar 1,265 euros, enquanto o gasóleo colorido e marcado consumido na agricultura 0,783 euros por litro e o gasóleo consumido na pesca passa a custar 0,593 euros por litro.

Já o fuelóleo industrial passa a custar 0,543 euros por quilo.

Desde a publicação da Resolução do Conselho do Governo n.º 44/2019, de 29 de março, que o executivo regional passou a definir diferenciais de incidência fiscal em relação ao continente.

"No último mês verificou-se uma descida dos preços dos combustíveis no mercado europeu que serve de referência para a definição dos preços nos Açores, correspondente à média dos preços de venda ao público de 14 países naquele espaço em junho", explica a mesma nota do Governo açoriano.

De acordo com o executivo regional socialista, "a incidência fiscal nos Açores é inferior à do continente português em 12,31% na gasolina 95 octanas, em 19,19% no gasóleo rodoviário, em 71,97% no gasóleo colorido e marcado consumido na agricultura e nas pescas, em 38,35% no gás butano e em 39,91% no fuelóleo industrial".

Os novos preços dos combustíveis nos Açores entram em vigor a partir das 00:00 de segunda-feira.

Lusa.