Economia

Importações cresceram cinco vezes mais que as exportações no terceiro trimestre

O défice da balança comercial portuguesa continua a acentuar-se

As vendas ao estrangeiro cresceram pouco mais de 1%, enquanto as compras ao exterior subiram mais de 6% quando comparadas com o mesmo período de 2018.

Olhando apenas para setembro, o défice comercial agravou-se em mais de 500 milhões de euros, com as exportações a avançarem menos de 6% e as exportações mais de 13%

A paragem da refinaria de Sines na primeira quinzena de setembro teve grande impacto nos dois lados da balança. A compra de combustíveis ao exterior disparou 40% e as vendas ao estrangeiro caíram 18%, face ao mesmo mês de 2018.

Os dados foram publicados esta sexta-feira pelo Instituto Nacional de Estatística.