Economia

Expansão da linha vermelha do metro de Lisboa vai ser uma das prioridades do Governo

O ministro do Ambiente foi ouvido no Parlamento e garantiu que o Governo está a trabalhar para acelerar o processo.

O Governo não quer desistir do projeto e já assinou esta semana o concurso para a construção da linha circular do metro que ligará as estações do Rato e de Santos, no valor de quase 49 milhões de euros.

O projeto prevê ainda a expansão da Linha Vermelha com ligação de São Sebastião a Alcântara-Alto de Santo Amaro e com as carruagens a passar pelas Amoreiras, Campo de Ourique e Infante Santo.

Ouvido no Parlamento, o ministro do Ambiente garante que a expansão do metro é uma das prioridades para 2020 e que tudo está a ser feito para que obra seja lançada o mais rapidamente possível.

Os partidos, à excepção do PS, são contra a construção da linha circular do metro. Dizem que é a solução mais cara, mais insegura e que prestará o pior serviço ao país.