Economia

Estado pode recuperar dinheiro se auditoria ao Novo Banco revelar má gestão

Primeiro-ministro diz que apenas 32% do capital injetado no Novo Banco resulta de empréstimo do Estado. 

O Novo Banco voltou a marcar o debate quinzenal desta quarta-feira.

O primeiro-ministro diz que se a auditoria revelar má gestão, o Estado tem toda a legitimidade para recuperar o dinheiro que desembolsou.

O PSD quer fiscalização parlamentar às imparidades do banco e sublinha que o país já pagou uma fatura de 7 mil milhões de euros. Rui Rio lamenta também que a Justiça ainda não tenha atuado naquele que classifica como "o maior crime de colarinho branco em Portugal".