Economia

Eurogrupo elege o sucessor de Mário Centeno. Há três ministros das Finanças na corrida ao cargo

Correspondente SIC

Vencedor toma posse no dia 13 de julho.

O Eurogrupo elege esta quinta-feira o sucessor de Mário Centeno.

A ministra espanhola Nadia Calviño parte para a corrida com o apoio de três pesos pesados: Alemanha, França e Itália.

Nádia Calviño é a única mulher entre os 19 ministros das Finanças da moeda únida. Está disposta a liderá-los nos próximos dois anos e meio e parte para a corrida à presidência do Eurogrupo com o apoio das três maiores economias da Zona Euro.

Votação é secreta e há mais dois ministros na corrida

O luxemburguês Pierre Gramegna da última vez que concorreu ao cargo perdeu para Mário Centeno.

E as contas voltam a não estar a favor do liberal. Se não for à segunda volta, a corrida será entre Calviño e o Paschal Donohoe, o ministro irlândes que conta com o apoio da maioria dos colegas da família de centro direita e se for buscar votos aos liberais e aos países bálticos, pode vencer.