Economia

Fraude na obtenção de subsídios europeus representam 2.3 mil milhões de europeus

Tiago Henrique Marques / Lusa

Dados são relativos aos últimos 10 anos.

Os casos de fraude e desvio de subsídios europeus representam, nos últimos 10 anos, 2.3 mil milhões de euros.

A empresas das áreas da indústria, formação profissional e tecnologias são as mais investigadas, sendo que a maioria dos processos estão relacionados com o QREN, o Quadro de Referência Estratégico Nacional e o FEDER, o Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional e o Fundo Social Europeu.

Desde 2015, a Polícia Judiciária já abriu mais de 440 inquéritos crime.