Economia

Quebras no turismo do Algarve. Época de 2020 considerada a pior de sempre

Foram registadas perdas de 650 milhões de euros nas receitas desde abril. 

Com quebras a rondar os 70%, a época turística de 2020 está a ser a pior de sempre no Algarve. O diagnóstico é da principal associação hoteleira da região, que antevê o fecho da maior parte dos empreendimentos nos próximos dias e um impacto sem precedentes no desemprego.