Economia

Consumo de energia disparou devido à vaga de frio

Cerca de 2 milhões de pessoas não têm como aquecer as casas.

Com os termómetros a registarem temperaturas baixas em todo o país, acresce a necessidade de manter os espaços mais quentes, há muitas opções de aquecimentos, mas podem ter custos muito elevados.

A associação ZERO diz que ter um aquecer a óleo pode custar por dia mais de oito euros. Contas feitas, no final de um mês os custos rondam os 250€.

A eficiência energética é um problema no país.

Os dados da Eurostat, relativos a 2019, indicam que em Portugal, cerca de 2 milhões de pessoas não têm capacidade para aquecer as casas.

A associação ZERO diz que o ar condicionado é o aquecimento mais eficiente e destaca também as lareiras quando têm recuperadores de calor, mas alerta que as partículas libertadas durante o uso afetam a qualidade do ar e por consequência também a saúde.