Economia

Amêijoas de aquacultura angariam 6 milhões de euros para entrada em Espanha

A startup Oceano Fresco assegurou um financiamento de 6,1 milhões de euros para a expansão das suas atividades na Península Ibérica. Com a aposta de um fundo holandês e da Semapa, quer construir a primeira infraestrutura de armazenamento e embalamento.

Depois de ter criado um centro biomarinho na Nazaré e o primeiro viveiro de amêijoas em mar aberto no Algarve, a startup portuguesa Oceano Fresco vai entrar nos mercados internacionais com uma ronda de financiamento que lhe permitirá a expansão do negócio em Espanha, além da consolidação do negócio no nosso país.

A Oceano Fresco, empresa de aquacultura de bivalves, vai receber um financiamento de 6,1 milhões de euros numa ronda Série B liderada pelos fundos Aqua-Spark, dos Países Baixos, e Semapa Next, a sociedade de capital de risco da Semapa fundada em 2018 com uma dotação inicial de 30 milhões de euros.

Com este dinheiro fresco, a empresa pretende construir a sua primeira infraestrutura de armazenamento e embalamento, além de apostar na expansão do negócio em Portugal e no país vizinho. Um foco ibérico "enquanto são estabelecidas as fundações de um negócio à escala global", esclarece a empresa em comunicado.

O primeiro financiamento privado - de 2,7 milhões de euros, em 2019, pela BlueCrow Capital, sociedade de capital de risco portuguesa - visou a construção de um centro biomarinho na Nazaré e de um viveiro de amêijoas, em mar aberto, na costa do Algarve. Nesta ronda Série B, a liderança coube ao fundo holandês Aqua-Spark, especializado em projetos de aquacultura sustentável.

A Oceano Fresco cultiva duas espécies de bivalves nativas à Europa, a Venerupis Corrugata (“Corrugata”) e Ruditapes Decussatus (“Decussatus”), atualmente ameaçadas por mudanças nos ecossistemas e alvo de forte procura pelo mercado alimentar.

"O compromisso da Oceano Fresco com os seus clientes é o de garantir uma parceria e um fornecimento fiável, ao longo de todo o ano", explica a empresa em comunicado.