Economia

G7 mantém-se firme na intenção de limitar preço do petróleo russo

G7 mantém-se firme na intenção de limitar preço do petróleo russo
picture alliance
O objetivo é atingir uma das principais fontes de rendimento do Kremlin.

Os ministros das Finanças do G7 comprometeram-se, esta sexta-feira, a implementar um sistema para limitar o preço do petróleo russo. O objetivo da medida é atingir uma das principais fontes de rendimento do Kremlin. O acordo deverá ser anunciado em breve.

Num comunicado divulgado pela Alemanha – que, este ano, preside ao G7 –, os ministros “confirmam a intenção política conjunta de finalizar e implementar uma proibição abrangente dos serviços que globalmente permitam o transporte marítimo de petróleo bruto e produtos petrolíferos de origem russa”.

A realização dos referidos serviços “só seria permitida se o petróleo e os produtos petrolíferos fossem comprados ou a um preço abaixo ou a um preço determinado (‘o limite sobre o preço’) pela ampla coligação de países que aderiram e implementaram o limite de preço”. Até agora, o G7 não avança nenhum valor para o referido “limite sobre o preço”.

O G7 – composto pela Alemanha, a França, o Reino Unido, a Itália, o Canadá e os Estados Unidos – convidam “todos os países” a participar na decisão sobre a criação do “limite sobre o preço”. Incentivam ainda os países produtores de petróleo a aumentar a produção para diminuir a volatilidade nos mercados.

Na reunião de junho, os líderes do G7 tinham concordado em explorar medidas para limitar a importação de petróleo russo acima de um determinado valor. Na mesma altura, Vladimir Putin, Presidente da Rússia, avisou que iria proibir a venda de petróleo a qualquer país que impusesse um limite sobre o preço.

A presidente da Comissão Europeia, Ursula von der Leyen, já manifestou apoio à medida. No entanto, é necessário que os 27 Estados-membros cheguem a acordo no Conselho Europeu.

Os Estados Unidos já bloquearam a importação russa de petróleo. A União Europeia decidiu proibir 90% do petróleo oriundo da Rússia por via marítima – uma medida que entra em vigor no final do ano.

Últimas Notícias
Mais Vistos