Economia

Galp admite subida do preço do gás nos próximos meses

Loading...

O presidente, Andy Brown, disse à SIC que os lucros da empresa não foram "extraordinários".

O presidente executivo da Galp diz que os lucros da empresa são bons, mas não "extraordinários". Em declarações à SIC, Andry Brown falou também sobre as falhas nas entregas de gás da Nigéria e diz que o preço deve voltar a subir com a chegada do inverno.

“Os preços atuais são muito baixos, porque os depósitos de gás natural liquefeito estão perto da costa da Península Ibérica, mas não podem ser descarregados. Os preços estão temporariamente, baixos, mas assim que ficar frio, creio que irão subir”, admite o presidente da Galp.

Tudo dependerá de quão frio o inverno será e das alternativas ao gás nigeriano, a principal deve passar pelo gás americano.

O ministro do Ambiente já tinha pedido que se evitassem alarmismos e o presidente executivo da Galp faz o mesmo apelo, porque garante não faltarem opções no mercado.

"Conseguimos comprar quase um carregamento adicional de gás natural liquefeito, através de gasodutos, devido ao preço reduzido neste momento".

Questionado sobre os lucros da empresa, Andry Brown, que dispararam quase 90% nos primeiros 9 meses, diz que investiu mais do que ganhou.

"Não diria que foram extraordinários, foram 16% mais elevados no terceiro trimestre do ano passado, mas o ano passado foi um ano de covid".

Últimas Notícias