Acidente na Madeira

Três feridos no acidente na Madeira continuam internados

HOMEM GOUVEIA

O acidente com o autocarro turístico ocorreu no dia 17 de abril, no Caniço, e provocou 29 mortos.

Os três feridos do acidente com um autocarro de turismo no Caniço que ainda estão no Hospital Central do Funchal vão continuar internados, informou esta segunda-feira o Serviço de Saúde da Madeira (Sesaram).

As autoridades referem em comunicado que a vítima de nacionalidade alemã, do sexo feminino, se mantém internada e está a "evoluir favoravelmente".

Por outro lado, a mulher portuguesa, a guia intérprete, foi esta segunda-feira submetida a uma intervenção cirúrgica que "correu de acordo com o expectável".

O motorista, também de nacionalidade portuguesa, está "estável" e mantém-se internado com intervenção na área da saúde mental.

O acidente com o autocarro turístico ocorreu no dia 17 de abril, no Caniço, concelho de Santa Cruz, e provocou 29 mortos: 17 do sexo feminino e 12 do sexo masculino, todas de nacionalidade alemã.

Das 28 vítimas que deram entrada no hospital no dia do desastre, 11 tiveram alta, uma morreu e 16 ficaram internadas, das quais 13 foram já transferidas para a Alemanha.

Lusa