Coronavírus

Campanha falsa para ajudar Póvoa de Varzim e Vila do Conde circula nas redes sociais

Leon Kuegeler

ARS-Norte alerta para falsa campanha que pede donativos para os Centros de Saúde da Póvoa de Varzim e Vila do Conde.

Especial Coronavírus

A Administração Regional de Saúde do Norte alertou esta segunda-feira para a existência de uma falsa campanha de solidariedade, a circular nas redes sociais, pedindo donativos para os Centros de Saúde da Póvoa de Varzim e Vila do Conde.

"A autoria da mensagem não é da responsabilidade, nem do Agrupamento de Centros de Saúde da Póvoa de Varzim/Vila do Conde, nem desta Administração Regional de Saúde (ARS). Nenhum cidadão deverá aceder ao pedido", pode ler-se no comunicado emitido pelo organismo.

A ARS-Norte garantiu que "já foi pedida a intervenção das autoridades policias" para investigarem a "atitude abusiva e ilegal" que anda a circular na Internet.

Nessa mensagem que circula nas redes sociais são pedidos donativos financeiros, através de transferência bancária, para compra de material de proteção para os profissionais que trabalham nas unidades de saúde da Póvoa de Varzim e Vila do Conde, no distrito do Porto, mas a ARS-Norte garante que esses equipamentos têm sido assegurados pelo Estado.

"O Agrupamento de Centros de Saúde, tal como os demais desta região, tem vindo a ser reforçado com o equipamento de segurança indispensável aos profissionais e, também por isso, a mesma informação, que circula nas redes sociais, é abusiva, desprovida de veracidade e criminosa", sublinhou a ARS-Norte.