Coronavírus

D. Maria II disponibiliza mais oito peças online em abril

Os quatro espectáculos já disponibilizados tiveram 22 mil "espectadores".

Especial Coronavírus

Oito novos espetáculos podem ser vistos na sala online do Teatro Nacional D. Maria II (TNDMII), durante o mês de abril, informou hoje o teatro.

A estrear às sextas-feiras e aos sábados, às 21:00, os espetáculos vão das tragédias gregas às criações clássicas contemporâneas, dos clássicos da dramaturgia até às criações para crianças, segundo o comunicado do Teatro D. Maria II, hoje divulgado.

Em abril, as sextas-feiras serão dedicadas às tragédias, com a estreia de uma por semana.

Assim, nos dias 3, 10 e 17 de abril, será possível assistir à trilogia "Ifigénia", "Agamémnon" e "Electra", de Tiago Rodrigues, a partir de textos de Eurípedes, Sófocles e Ésquilo, respetivamente.

No dia 24 de abril, a sala 'online' recebe ainda "Antígona", de Sófocles, na recente encenação de Mónica Garnel, que abriu a atual temporada do TNDMII, em setembro de 2019.

A partir do próximo sábado, dia 4 de abril, será possível assistir em família a "Alice no País das Maravilhas", numa encenação de Maria João Luís e Ricardo Neves-Neves, a partir da obra de Lewis Carroll.

No último sábado do mês, dia 25, será a vez de se retomar a "Coleção de Amantes", de Raquel André, o primeiro espetáculo do projeto "Coleção de Pessoas".

Pelo meio, a sala 'online' recebe ainda duas interpretações contemporâneas de clássicos de William Shakespeare: "Ricardo III", encenado por Tónan Quito (a 11 de abril), e "Lear", numa encenação de Bruno Bravo, a partir de "Rei Lear" (a 18 de abril).

Estes oito espectáculos juntam-se a "A Origem das Espécies", "Frei Luís de Sousa", "Montanha Russa" e "Sopro", já disponíveis para visualização na sala 'online' do D. Maria II.

"Sopro" está também disponível com interpretação em Língua Gestual Portuguesa e nas versões legendadas em inglês e francês.

No conjunto, estes quatro espetáculos somaram já cerca de 22.000 visualizações.

Sobe para 209 o número de mortos em Portugal, mais de 9 mil casos de Covid-19

Segundo o balanço feito hoje pela Direção-Geral da Saúde, em Portugal registam-se 209 mortes, mais 22 do que na quarta-feira (+11,8%), e 9.034 casos de infeções confirmadas, o que representa um aumento de 783 em relação à véspera (+9,5%).

Dos infetados, 1.042 estão internados, 240 dos quais em unidades de cuidados intensivos, e há 68 doentes que já recuperaram.

Portugal, onde os primeiros casos confirmados foram registados no dia 02 de março, encontra-se em estado de emergência desde as 00:00 de 19 de março, tendo a Assembleia da República aprovado hoje o seu prolongamento até ao final do dia 17 de abril.

Quase 48 mil mortos em todo o mundo

A pandemia de Covid-19 matou quase 48 mil pessoas em todo o mundo desde que a doença surgiu em dezembro na China, segundo um balanço da AFP às 11:00, a partir de dados oficiais.

De acordo com a agência de notícias francesa, morreram 47.993 pessoas, foram diagnosticados mais de 944.030 casos de infeção pelo novo coronavírus, que provoca a doença Covid-19. Foram consideradas curadas pelo menos 182.700 pessoas.

Em Itália, o número de mortos voltou a aumentar em relação ao dia anterior. Nas últimas 24 horas, foram registadas 760 mortes, aumentando o número total de vítimas mortais para 13.915.

Foram ainda registados mais 4.782 novos casos positivos, um aumento de 114 em comparação com quarta-feira.

Depois de Itália, os países mais afetados são Espanha com 10.003 mortes para 110.238 casos, os Estados Unidos com 5.137 mortes, França com 4.032 mortes (56.989 casos) e China continental com 3.318 mortes (81.589 casos).

A China (excluindo os territórios de Hong Kong e Macau), onde a epidemia começou no final de dezembro, registou um total de 81.589 casos (35 novos entre quarta e hoje), incluindo 3.318 mortes (seis novas) e 76.408 curados.

No Reino Unido, o número total de mortes relacionadas com a covid-19 aumentou para 2.921, mais 569 do que na quarta-feira. O balanço diário dos casos regista 33.718 pessoas infetadas entre 163.194 testadas.