Coronavírus

Mais 34 mortes e 712 casos de Covid-19 em Portugal nas últimas 24 horas

Rafael Marchante

O último balanço da DGS.

Especial Coronavírus

A Direção-Geral da Saúde (DGS) anunciou esta terça-feira a existência de 345 mortes e 12.442 casos de Covid-19 em Portugal.

O número de óbitos subiu, de ontem para hoje, de 311 para 345, mais 34, enquanto o número de infetados aumentou de 11.730 para 12.442, mais 712, o que representa um aumento de 6%.

O número de casos recuperados subiu de 140 para 184.

No que toca a doentes internados, o número subiu de 1.099 para 1.180. 271 estão em Unidades de Cuidados Intensivos, mais um em relação ao último balanço

No Relatório de Situação divulgado esta terça-feira, há, desde 1 de janeiro, um total de 99.730 casos suspeitos, dos quais 4.442 aguardam os resultados das análises e 82.846 testes que deram negativo.

A região Norte continua a ser a mais afetada, com 7.052 casos e 186 mortes. Segue-se Lisboa e Vale do Tejo, com 3.185 casos e 64 óbitos. A região Centro regista 1.766 casos e 88 mortes, o Algarve 234 casos e 7 mortos, o Alentejo 85 casos, os Açores 68 casos e a Madeira 52 casos.

Os casos confirmados:

  • 92 meninos e 87 meninas com menos de 10 anos;
  • 306 jovens entre os 10 e os 19 anos;
  • 538 homens e 756 mulheres entre os 20 e 29 anos;
  • 797 homens e 1.021 mulheres entre os 30 e 39 anos;
  • 901 homens e 1.338 mulheres entre 40 e os 49 anos;
  • 920 homens e 1.296 mulheres entre os 50 e os 59 anos;
  • 769 homens e 845 mulheres entre os 60 e 69 anos;
  • 629 homens e 530 mulheres entre os 70 e os 79;
  • 605 homens e 1.012 mulheres casos com mais de 80 anos.

No que diz respeito aos óbitos:

  • 1 homem e 3 mulheres entre os 40 e os 49 anos
  • 7 homens e 2 mulheres entre os 50 e os 59 anos;
  • 25 homens e 10 mulheres entre os 60 e os 69 anos;
  • 50 homens e 28 mulheres entre os 70 e os 79 anos;
  • 105 homens e 114 mulheres com mais de 80 anos.

Os dados da DGS, que se referem a 79% dos casos confirmados, precisam que Lisboa é o concelho que regista o maior número de casos de infeção pelo coronavírus SARSCov2 (754), seguida do Porto (730 casos), Vila Nova de Gaia (551), Gondomar (528), Maia (465), Matosinhos (416), Braga (407), Valongo (387), Sintra (299) e Ovar (247).

Marcelo fez teste sorológico e não está imunizado

O Presidente da República revelou, numa entrevista divulgada esta terça-feira pela Antena 1, que já fez um dos novos testes sorológicos para detetar a presença de anticorpos para o novo coronavírus e não está imunizado.

"Depois da quarentena, fiz agora há poucos dias um teste dos novos que chegaram de imunidade, que já é de uma nova geração, os chamados testes sorológicos", afirmou Marcelo Rebelo de Sousa, nesta entrevista conduzida pela jornalista Natália Carvalho, gravada no Palácio de Belém, em Lisboa.

MIGUEL A. LOPES

SIGA AQUI AS ÚLTIMAS INFORMAÇÕES SOBRE A PANDEMIA DE COVID-19