Coronavírus

França vai dar ajuda excecional de 200 euros a 800 mil jovens em situação precária

Benoit Tessier

Ajuda excecional é destinada a jovens menores de 25 anos que estão em situação precária por causa da crise provocada pelo novo coronavírus.

Especial Coronavírus

O Governo francês vai dar uma ajuda excecional de 200 euros a 800.000 jovens com menos de 25 anos que estão em situação precária por causa da crise da Covid-19, anunciou o primeiro-ministro.

Esse dinheiro será entregue no início de junho a estudantes que ficaram sem emprego ou sem estágio e aos que estão em territórios isolados e não tiveram possibilidade de regressar aos seus locais de origem, disse Édouard Philippe, na câmara alta do parlamento.

O apoio será dado também a menores de 25 anos em situação precária que já beneficiam de ajuda para habitação.

"Alguns foram condenados a uma situação dramática", disse o chefe do Governo na apresentação aos senadores do plano de levantamento das restrições impostas no âmbito da pandemia a partir de 11 de maio.

Philippe admitiu que o confinamento iniciado em 17 de março foi justificado pela emergência sanitária, mas sublinhou que o custo social, humano e económico é "colossal" e que, portanto, mantê-lo implicaria "destruir o motor económico" do país.

A apresentação aos senadores foi feita depois de uma outra realizada em 28 de abril na assembleia nacional (câmara baixa do parlamento), onde o partido do Governo é maioritário, e o plano recebeu 368 votos a favor, 100 contra e 103 abstenções.

ACOMPANHE AQUI AO MINUTO AS INFORMAÇÕES SOBRE A PANDEMIA DE COVID-19

ESPECIAL CORONAVÍRUS