Coronavírus

Número de infetados com covid-19 na Alemanha pode ser 10 vezes maior 

ARMANDO BABANI

A conclusão é de um estudo de uma universidade alemã.

Especial Coronavírus

O número de infetados com o novo coronavírus na Alemanha pode ser 10 vezes superior ao divulgado.

É a conclusão de um estudo do Hospital Universitário de Bona, a cerca de seis horas de Berlim.

Ainda assim, os próprios investigadores admitem que o número possa estar sobrestimado. O estudo revelou ainda que 1 em cada cinco infetados é assintomático.

Segundo os dados das autoridades de saúde, a Alemanha registou esta segunda-feira, pelo terceiro dia consecutivo, menos de mil novos casos diagnosticados de Covid-19, contabilizando mais 679 do que no dia anterior, para um total de 163.175.

Também o número de vítimas mortais, de acordo com os dados oficiais do Instituto Robert Koch (RKI), teve o menor aumento das últimas semanas. Houve mais 43 óbitos, o valor mais baixo desde março, para um total de 6.692 em todo o país.

O RKI revela que são agora 132.700 as pessoas que superaram a Covid-19, uma subida de cerca de 2.200 nas últimas 24 horas.

Dez casos de Covid-19 confirmados no futebol alemão

A primeira série de testes a clubes da primeira e segunda divisão da Alemanha resultaram em 10 casos positivos da covid-19, quando se prepara o regresso das competições, anunciou esta segunda-feira a Liga Alemã de Futebol (DFL).

Dos 1.724 testes já realizados nos 36 clubes envolvidos (18 por divisão), 10 deram resultado positivo, embora a DFL não tenha revelado os clubes envolvidos e o nome das pessoas, que tanto podem ser um jogador ou um membro da equipa técnica, que estão infetadas com novo coronavírus.

ACOMPANHE AQUI AO MINUTO TODA A INFORMAÇÃO SOBRE A COVID-19