Coronavírus

Novas regras para a aviação estão a gerar polémica

Novas regras para a aviação estão a gerar polémica

A diretora-geral da Saúde admite que não são infalíveis, mas diz que o Governo está a seguir as diretivas internacionais.

Especial Coronavírus

A partir do dia 1 de junho, os voos deixam de ter lotação reduzida a dois terços, ou seja, na prática os aviões podem voltar a voar cheios.

A Ordem dos Médicos diz que a decisão é política e não cumpre as regras sanitárias. Já o sindicato da aviação civil considera-a incoerente.