Coronavírus

Milhares de imigrantes sem emprego regressam aos países de origem

A maior parte tem contratos de trabalho precários.

Especial Coronavírus

A pandemia deixou milhares de imigrantes sem emprego e uma grande parte foi obrigada a regrassar aos países de origem. Só da comunidade brasileira em Portugal, desde março foram repatriadas mais de duas mil pessoas.

O Banco Alimentar disse que os pedidos de ajuda têm aumentado de forma expressiva nos últimos tempos e o apoio que dá aos portugueses é o mesmo
que tem dado às comunidades de imigrantes.