Coronavírus

Plano de Costa Silva defende cooperação entre Estado e empresas

Alívio da carga fiscal e inovação tecnológica são algumas das medidas apresentadas.

Especial Coronavírus

António Costa Silva, convidado pelo primeiro-ministro, António Costa, para chefiar o plano de recuperação da Economia portuguesa, apresentou um documento ao Governo, com mais de 100 páginas, que se foca, por exemplo, no investimento das infraestruturas e em apoios às empresa.

O consultor é mais pessimista que o Executivo e antevê uma queda de 12% da economia este ano.

Veja também: