Coronavírus

Especialista em saúde pública pede medidas para evitar colapso do SNS

Os riscos do agravamento da pandemia em outubro.

Especial Coronavírus

O professor Tiago Correia admite que a situação de Covid-19 poderá piorar em Portugal a partir de outubro. O especialista em Saúde Pública Internacional pede medidas antecipadas para evitar o colapso do Serviço Nacional de Saúde.

Para isso, alerta que é necessário tentar “controlar ao máximo” as cadeias de transmissão, até mesmo para aligeirar a pressão sobre os profissionais e equipas que estão no terreno, porque prevê que daqui a três meses sejam chamados a um “esforço ainda mais intenso”.

Tiago Correia explica que é preciso a aplicação de medidas que evitem fluxos simultâneos de pessoas, para que a atividade regular do SNS não pare e consiga ainda responder às solicitações sazonais e a uma eventualidade de um aumento de casos do coronavírus.

Especialistas alertam DGS para aumento significativo de casos em outubro

Vários especialistas alertaram a Direção-Geral de Saúde, para a possibilidade de um aumento significativo de casos de Covid-19 a partir de outubro, ou seja, após o arranque do ano letivo.

O início das aulas está marcado para 14 de setembro.

Um aumento exponencial deverá ser registado, sobretudo nas áreas de maior densidade populacional, e o perigo deverá estar presente pelo menos até fevereiro devido à concentração de pessoas em ambientes fechados, escolas e transportes públicos.