Coronavírus

"É um bom acordo, um acordo forte, o acordo certo para a Europa"

"É um bom acordo, um acordo forte, o acordo certo para a Europa"

Charles Michel, presidente do Conselho Europeu, fala em acordo histórico.

Especial Coronavírus

Após 5 dias de negociações "difíceis, num momento difícil", o Conselho Europeu chegou a acordo relativamente ao Fundo de Recuperação económica, em que serão disponibilizados 750 mil milhões de euros aos países da UE para o combate à crise.

Depois da "maratona que terminou em sucesso", à saída da reunião, o presidente do Conselho Europeu afirmou que este "é um bom acordo, um acordo forte, e é o acordo certo para a Europa neste momento."

Charles Michel acrescentou ainda que "este acordo" será visto "como um momento decisivo no trajeto da Europa".

Portugal recebe 45,1 milhões de euros

Portugal vai arrecadar 45 mil milhões de euros em transferência a fundo perdido nos próximos sete anos, valor que será disponibilizado em duas fases.

Entre os 45,1 mil milhões de euros que o país irá agora arrecadar incluem-se 15,3 mil milhões de euros em transferências a fundo perdido exatamente no âmbito deste programa para a recuperação, bem como 29,8 mil milhões de euros em subsídios do orçamento da UE a longo prazo 2021-2027.

E, embora não entrem nestas contas, a estes montantes acrescem 10,8 mil milhões de euros em empréstimos, ainda no âmbito do Fundo de Recuperação.